sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Slideshow - Presepios

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

É uma tristeza

Estou muito triste... Descobri que o Zé Socrates não gosta de mim.
Todos sabem que não gosto do Zé, porque ele tem coisas de que se não gosta. Eu nunca disse porquê, mas é o momento de o dizer. 1º eu votei num partido de esquerda e sou governado por um da direita; leva-me os impostos e dá-os aos malandros, "artistas", habilidosos, crápulas e chupistas etc, havendo alguns que recebem 500, ou mais quando pessoas que trabalharam toda a vida recebem 240,;não consegue levar o desemprego além dos 10% ficando-se pelo 5º lugar na Comunidade, atrás da Espanha com 18%; o déficit (o que isto quer que seja) não vai além dos 9,3%, quitando-se no meio da tabela, parecendo o Sporting em pleno campeonato; ele quer acabar com os jornalistas que quebram o segredo de justiça, com as condenações em praça pública, quando se fosse eu já tinha acabado com isso, pois acho que a liberdade de uns acaba quando começa as dos outros e tinha-os mandado para o degredo.
Mas eu estou triste porque me contaram que ele disse que não gostava de mim. Contou-me um primo de Vila Real que ouviu de um cunhado que mora em Alcoentre, que o soube por um cigano de Albufeira, que na feira de Espinho, ouviu contar a uma miuda de Barcelos que teve conhecimento do caso através de uma amiga que trabalha em Chaves e que teve conhecimento através do empregado de mesa do restaurante que serviu o almoço ao Zé e ministros, quando este passou a noite com ela e no fim lhe disse: Se o teu marido (que é informador dos jornais bem informados) tivesse ouvido a conversa que eu ouvi ontem no restaurante!... Então foi assim: o Zé virou-se para os ministros e disse, "eu não gosto do Costa, porque ele não percebe nada de agricultura, pá".
E eu continuo triste

Calhaus Rolados

Calhaus rolados, são pedaços de rocha que por acção da erosão, água ou gelo, se tornam arredondados.
O meus calhaus são recolhidos numa praia a Sul de Viana do Castelo, Praia da Amorosa, em virtude da variedade das suas cores e tamanhos.
Após a recolha são lavados cuidadosamente, seprados por calibres e armazenados.
À medida das necessidades vão sendo colados, com uma cola forte, para que formem as construções para que são utilizados.
Comecei isto como uma ocupação de tempos livres e hoje já me ocupa outros tempos que não só os livres, em virtude da procura que tem ocorrido, por parte dos meus amigos e depois da grande divulgação que fizeram.
Agora vendo-os e vou desenhando outros modelos.
Cumprimentos
Manuel Costa

Nota: Se pretenderem adquir algum podem solicitá-lo pelo e-mail: mcosta99@gmail.com ou telm 968049860

Quem sou?

A minha foto
ESPARGO -Santa Maria da Feira, Aveiro, Portugal
Sou coleccionador de presépios e crucifixos. Gosto de manusear as pedras e dar-lhes formas. Tenho conseguido algumas figuras muito bonitas.

Sou eu

Sou eu

Eu no jornal Terras da Feira

Eu no jornal Terras da Feira
Artesanato